Vantagens de uma campanha de marketing de conteúdo para advogados<span class="wtr-time-wrap after-title"><span class="wtr-time-number">11</span> min. de leitura</span>
Compartilhe com seus amigos 👍🌎❤️

O marketing digital é um meio muito eficiente de maximizar a captação de clientes para o seu escritório.

No que diz respeito a assuntos relacionados ao direito, profissionais podem também utilizar essa ferramenta para otimizar seus resultados.

Um fragmento muito importante de toda estratégia de marketing é garantir o engajamento do público e, por este motivo, advogados devem produzir conteúdo jurídico em seus sites, blogs e redes sociais. 

Tenha em mente que existem milhares de profissionais na internet e, por isso, se diferenciar é o ponto fundamental!

Não para de crescer o número de consumidores exigentes que procuram produtos e serviços que estejam acima do padrão oferecido no mercado. Uma regra que se aplica a todo e qualquer segmento.

E no direito isso não é diferente. Os escritórios e profissionais que entendem a necessidade de se adotar técnicas e ferramentas de trabalho que ofereçam um diferencial competitivo na advocacia são os que se destacam de verdade no mercado jurídico.

Todo advogado deve produzir conteúdo jurídico educativo para seu público

Sim, começamos este tópico com uma frase imperativa pois oferecer um conteúdo de qualidade que consiga mostrar aos seus clientes tudo que o profissional tem a oferecer é o diferencial de qualquer estratégia.

O foco aqui precisa ser a produção de conteúdo relevante para um público leitor predeterminado, a sua persona.

Por este motivo é tão importante antes de iniciar qualquer estratégia definir a ‘persona’ que você quer atingir.

Não bastante definir um grupo e chamá-lo de público-alvo. Ao criar a persona, tem-se um conteúdo personalizado, direcionado e que conquistará muito mais do que um conteúdo genérico.

Construir uma imagem de especialista é destacar as atuais habilidades que você, como advogado, tem ao atender os clientes e transformar essa competência em algo concreto. 

Aproveitar e criar um artigo a partir de dúvidas frequentes, por exemplo, com conteúdo rico e informativo, pode fazer com que pessoas que inicialmente eram apenas curiosas torem-se clientes do seu trabalho, pois você demonstra:

  • Domínio do assunto;
  • Interesse em auxiliar;
  • Acessibilidade.

E, além disso, você tem a vantagem de nunca ser esquecido, pois, os clientes estarão em contato constante com sues conteúdos

E o Inbound Marketing é exatamente isso: chamar a atenção, nutrindo os potenciais clientes de informação de qualidade. 

Mais cedo ou mais tarde o leitor vai procurar pelo advogado especialista, pois ele virou um consumidor do material intelectual publicado. 

Esse é o resultado do Inbound Marketing na advocacia: a iniciativa de ir atrás da informação parte do cliente e não do advogado.

Quais conteúdos os advogados podem produzir?

Vantagens de uma campanha de marketing de conteúdo para advogados 1

Na prática é preciso ficar atento ao código de ética para não infringir nenhum preceito nele contido. 

 É certo que o principal conteúdo a ser produzido é o Informativo, então, aqui vão algumas dicas:

Publicar textos e artigos

Pense no público leitor e na sua especialidade. Se você é especialista em direito trabalhista e seu foco de atendimento é o trabalhador, por exemplo, ele pode chamar a atenção desse público escrevendo sobre as novas regras que a Reforma Trabalhista trouxe para a legislação, como assuntos relacionados a férias, remuneração e transporte.

Com advogados de qualquer especialidade a estratégia é sempre a mesma: escreva para seu público leitor na linguagem dele e no canal em que ele está, lembre-se de não abusar do ‘juridiquês’, sua persona deve entender o que você está falando, deixe para utilizar termos técnicos num segundo contato.

Avalie também qual será a rede a ser publicada e adapte-se a ela. Nada de publicar um texto gigante no facebook, por exemplo, o leitor irá certamente passar direto por ele. Faça diferente: elabore a uma chamada atrativa e instigue o leitor a ver o conteúdo completo em seu blog.

Gravar áudio e vídeo

Caso escrever não é o seu forte, tente outro formato. Há muitos advogados que se dão muito bem na frente das câmeras, conseguem falar com objetividade e não são prolixos. 

Vídeos curtos esclarecendo sobre assuntos pontuais é uma forma inovadora de realizar a produção de conteúdo e que pode ser compartilhada em vários locais diferentes.

Um advogado tributarista, por exemplo, pode fazer um vídeo comentando sobre uma possível mudança na legislação tributária municipal ou sobre a votação de um projeto de lei que pode alterar a cobrança de uma taxa específica.

E se você tem vergonha de fazer vídeo ou está sem tempo para produzir um artigo, então a solução pode ser um podcast. Grave um áudio sobre um tema e disponibilize no site institucional do escritório ou envie por uma newsletter para os clientes.

Existem profissionais de advocacia que estão realmente inovando sem ferir o Código de Ética, então é possível realizar uma publicidade informativa onde o grande objetivo é realmente esclarecer assuntos pontuais.

É importante destacar que o texto deve ser informativo, sem o objetivo de incentivar a população a processar alguém. 

Não é ético escrever textos com fins comerciais tentando a captação de clientes. Você também não deve noticiar que ganhou determinada ação, mas sim produzir um texto explicando sobre o direito em si, ou seja, quais direitos ou deveres não foram respeitados, sem a necessidade de citar e expor as partes.

E o mais importante: o objetivo da produção de conteúdo é se posicionar como uma referência na área de atuação. 

Além disso, não há necessidade de emitir opiniões pessoais como ‘achismos’ sobre sobre o tema. O foco é esclarecer sobre o que realmente está na Lei e auxiliar a pessoa a identificar os seus direitos.

Conclusão

Vantagens de uma campanha de marketing de conteúdo para advogados 2

Seja qual for o meio pelo qual você se sinta mais à vontade para compartilhar, nunca deixe de marcar presença com esclarecimentos e comentários.

Agora que você entendeu por que os advogados devem produzir conteúdo jurídico, aqui vai duas dicas finais.

A primeira delas: produza conteúdos que esteja em alta, novas decisões com uma linguagem didática, por exemplo, além disso, mescle assuntos mais abrangentes com assuntos mais específicos, assim você agradará um maior número de clientes.

A dica final: é que hoje você encontra profissionais qualificados para te ajudar na produção de conteúdo. Se você não sabe nem por onde começar ou precisa de ajuda para seguir a ética no seu marketing, não se apavore, entre em contato conosco e saiba mais. 


Compartilhe com seus amigos 👍🌎❤️

Deixe uma resposta