Como captar clientes na advocacia com 9 ações práticas

Como captar clientes na advocacia com 9 ações práticas

Se você está lendo este artigo é porque quer aprender novas formas de como captar clientes para sua advocacia. Antes de começar a descrever as 9 ações práticas de como captar clientes na advocacia, precisamos fazer um estudo para planejamento dos nossos objetivos.

O passo crucial para realizar um planejamento eficiente se tratando de marketing digital, é usar empatia e imaginar que os clientes que procuram por serviços jurídicos são pessoas com dores como qualquer outra.

Acreditamos em negócios que são feitos por pessoas para pessoas. Portanto, quando você precisa de uma reserva de hotel ou um novo celular costuma realizar pesquisas na internet, correto? Em relação à serviços jurídicos (na maioria das vezes) também é assim que funciona.

Cadastre-se em nossa Newsletter!

Receba dicas valiosas (E GRÁTIS) de como impulsionar sua advocacia na internet com estratégias de marketing digital.

Dados do Google Trends mostram que o número de pesquisas sobre os termos de serviços jurídicos estão em crescimento. A explicação é bem simples: utilizamos o celular para tudo. Por conta disso, é válida a afirmação de quem não está na internet não existe!

A missão deste artigo é oferecer dicas para te ajudar a encontrar novos clientes para seu escritório com iniciativas que  concluímos após ter a experiência de trabalhar desenvolvendo inúmeros projetos  de criação de site para advogados e marketing jurídico, com essas dicas tenho certeza que você já terá tudo para dar os primeiros passos no mundo digital e alcançar resultados incríveis. Espero que goste!

Veja como comunicar ao seu cliente todo o seu profissionalismo

1. Crie uma marca da sua advocacia

Criar um logotipo para sua advocacia pode ser um fator fundamental para transmitir credibilidade. Através deste elemento visual você poderá transmitir aos seus potenciais clientes quais são os principais valores de sua advocacia.

Mesmo se tratando de um segmento onde já existe um padrão profissional a ser seguido, você pode usar a criatividade e se diferenciar desenvolvendo uma marca poderosa. Na Aprimora Web, desenvolvemos logo para advogados pensando em todos os fatores que são fundamentais para transmitir esta mensagem em seu segmento.

Por essa razão a nossa regra é: apenas concluímos o projeto quando você estiver 100% satisfeito, afinal você vai levar sua marca por muitos anos e ela deve ser a principal representação visual da sua advocacia.

2. Padronize os materiais do seu escritório

De nada adianta criar um logo profissional para sua advocacia e elaborar um cartão de visita de advogado feito de maneira amadora, não é mesmo?

Essa dica vem complementar a necessidade de manter um padrão visual em todos os materiais do seu escritório. No mundo do design gráfico chamamos essa padronização de identidade visual escritório de advocacia. Identidade visual é o grupo de elementos visuais que representam visualmente e de forma sistematizada a sua marca, valores, serviços, etc.

Através de um conjunto de técnicas e componentes (que ainda envolvem tipografia e cores) conseguimos comunicar visualmente qual a personalidade empresarial que sua advocacia deseja transmitir.

Sem contar a facilidade, já que após a criação de identidade visual da advocacia basta enviar os arquivos vetoriais para a gráfica e solicitar a impressão.

3. Distribua cartões de visita

Uma das formas mais tradicionais e efetivas de captar clientes na advocacia é distribuindo cartões de visita.

Obviamente estes cartões devem ser elaborados seguindo o passo anterior senão a mensagem pode não ser alcançada, mas costumo dizer que o design do seu cartão de visita deve ter um nível de sofisticação que você tenha orgulho de distribuir, não vergonha.

Crie o hábito de manter o estoque de cartão de visita de advogado sempre cheio, e ao se apresentar para qualquer pessoa sempre ofereça seu cartão de visita e informe quais serviços jurídicos você é especializado, acredite uma hora ou outra ela ou algum conhecido vai precisar e ela vai lembrar de você.

Entenda porque advogados que estão online conquistam mais clientes que os que não estão

4. Crie um site da sua advocacia

Para o advogado, ter um bom posicionamento na internet é uma das coisas mais importantes se o que ele está buscando é descobrir como captar clientes na advocacia.

Como já mencionamos anteriormente, se você pesquisa por qualquer produto ou serviço, certamente faz uma pesquisa na internet, com o seu potencial cliente o processo não é diferente.

Porém, muitos advogados pecam nesta etapa, eles acreditam que basta ter um site ativo, se esquecem da qualidade deste posicionamento.

Hoje em dia as pessoas são muito mais criteriosas, e com a alta quantidade de informações que temos é muito fácil trocar de um site para outro e “julgar um livro pela capa”. Portanto, busque uma empresa que tenha capacidade de criar um site para advogados de alto padrão para sua advocacia, pois isso pode fazer toda a diferença no número de contatos que você vai obter.

5. Marque presença nas redes sociais

Ter presença nas redes sociais pode ser estratégico para captação de clientes na sua advocacia. Naturalmente é preciso muita cautela e levar em conta o Código de Ética e Disciplina da OAB, mas, após descobrir o que pode ser feito é ideal definir em quais canais deseja atuar.

Existem inúmeras possibilidades de atuação para advogados nas redes sociais, para encontrar a ideal vai depender muito do segmento de mercado que seu público está. Facebook e Twitter são recomendados para alcançar um público mais informal, já o Linkedin pode ser direcionado à um público corporativo. O importante é ter em mente que independente do canal, a sua mensagem precisa chegar ao seu público em uma linguagem que ele entenda.

6. Gere conteúdo relevante para seu público

Sem dúvida esta é a dica mais valiosa deste artigo. Você pode elaborar uma logomarca para advocacia excepcional, ter uma identidade visual totalmente alinhada com seus princípios e um site para advogado que atenda todos os critérios de ética. 

Mas se o seu cliente acessar sua página e ver apenas informações sobre os seus serviços, e conhecimentos jurídicos não teremos impacto de forma alguma. 

Para elaborar o conteúdo para seu site, você precisa gerar identificação nas dores do cliente, coloque-se no lugar do seu potencial cliente em seguida crie personas do seu público alvo, buscando em suas anotações quais os problemas que comumente são enfrentados por eles no momento em que eles procuram seus serviços jurídicos. Serão estes assuntos que você deve abordar na geração de conteúdo para seu site, blog e até mesmo redes sociais.

Saiba como se posicionar à frente da concorrência

7. Trabalhe com parceiros

Tenha ao seu lado uma equipe de parceiros que possui intrinsecamente o anseio em crescer.

Escolher um time competente desde o estagiário até um sócio pode ser fundamental para complementar os requisitos que farão a diferença em sua advocacia, talvez por uma necessidade do seu segmento de atuação ou talvez para acrescentar habilidades técnicas que você não possua. 

É assim que uma equipe se completa! Independente de quem estará à frente do atendimento aos clientes, todos precisam investir frequentemente em treinamento para garantir o máximo de performance em sua área de atuação e trabalhar para alcance das metas e objetivos.

8. Tenha um bom software jurídico

Algo que deve ser pensado com muito cuidado é a escolha do melhor software jurídico. Em geral, essas ferramenta tem o intuito de otimizar a produtividade do seu trabalho, poupando seu tempo para outras tarefas como captar clientes na advocacia

Com a modernização da prática jurídica, a procura por softwares deste segmento vem aumentando, mas é preciso realmente observar a situação interna da sua advocacia antes de contratar. Qual a demanda você precisa atender? Quantos membros da sua equipe vão realmente utilizar o sistema? Você consegue absorver este custo? Qual será o real e efetivo retorno sobre o investimento? Pense nisso.

9. Invista em networking

É essencial que você inclua a prática de networking para conseguir ampliar sua rede de contatos profissionais. 

Sempre que possível participe de eventos, seminários e congressos que possam ser interessantes para sua área de atuação. Uma dica, busque conectar com os prospects de seu interesse antes do evento pelo LinkedIn. Isso pode ajudar muito a “quebrar o gelo”. Agora, caso não consiga investir em eventos deste tipo existem diversas outras formas de gerar relacionamentos que possam ser fundamentais para captação de novos clientes, como por exemplo participação de grupos voluntários ou desenvolvimento de projetos na Subseção da OAB que você é inscrito.

Descubra além de como captar clientes na advocacia… 

Essas são dicas práticas de como captar clientes com ações do seu cotidiano que certamente farão toda a diferença frente aos seus concorrentes. Passamos desde a criação e padronização de uma marca poderosa para sua advocacia, pelo posicionamento realista e básico na internet até ações que podem fazer toda a diferença na forma que os clientes vão te enxergar. Em resumo, não existe fórmula mágica de como captar clientes na advocacia, mas agir em diversas frentes com ética e profissionalismo certamente vai lhe render bons frutos.

Caso queira se aprofundar ainda mais no assunto, no link abaixo disponibilizamos gratuitamente um livro digital com dicas práticas de como ter um posicionamento na internet que realmente gere IMPACTO.

Deixe uma resposta

Mais de 197 advogados já estão se posicionando estrategicamente na internet. Quer saber como?